AveSui 2017
17-Mar-2017 16:58
Operação Carne Fraca

Sindicarne e Acav afirma não compactuar com erro e a omissão

O Sindicato das Indústrias da Carne e Derivados no Estado de Santa Catarina (SINDICARNE) e a Associação Catarinense de Avicultura (ACAV), em face da deflagração da “Operação Carne Fraca”, veio a público para manifestar sua consternação diante dos fatos que envolvem grandes agroindústrias

No comunicado, as associações ressaltaram que os padrões de biosseguridade, os avanços genéticos e a atenção extrema à sanidade e ao manejo fizeram da da produção agropecuária catarinenses uma das mais seguras de todas as cadeias produtivas, graças ao empenho e profissionalização dos produtores rurais e aos pesados, intensos e contínuos investimentos das agroindústrias.

“Por outro lado, sistemas de controle de qualidade das próprias indústrias e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) eliminam a possibilidade de erros ou de não-conformidades”, disse.

No comunicado, as entidades afirmam que é necessário compreender a dimensão, a complexidade e o elevado grau de desenvolvimento desse importante setor da indústria nacional para considerar que os fatos apurados pela Polícia Federal são isolados e representam lamentáveis exceções dentro da cadeia produtiva.

“O compromisso supremo das indústrias de alimentação é a oferta de proteína segura e de qualidade para a nutrição das pessoas e das famílias. Por isso, o SINDICARNE e a ACAV defendem a rigorosa apuração dos fatos e a exemplar punição daqueles que atuaram fora dos padrões exigidos. Jamais pactuaremos com o erro e a omissão. Nosso compromisso é com a segurança alimentar da população”, enfatizam.

Avicultura e Suinocultura Industrial/Ascom
Deixe seu Recado