09-Ago-2017 16:11 - Atualizado em 09/08/2017 17:17
Evento

Capacitação de cortes suínos reúne mais de 130 participantes em Itu

Ação promovida pela ABCS em parceria com APCS e Gessulli Agribusiness aconteceu nesta terça-feira

Com o objetivo de mostrar a versatilidade da carne suína além de incentivar a profissionalização para o setor, nesta terça-feira (08/08), na cidade de Itu, a Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) em parceria com a Associação Paulista de Criadores de Suínos (APCS) e Gessulli, realizaram o “Curso Prático de Cortes de Carne Suína”, ministrado pelo especialista Marcos Bisinella. A ação foi realizada nessa terça-feira (08/08) e contou com apoio do Sebrae Nacional e da Prefeitura de Itu. 

Com um público diversificado, o curso recebeu mais de 130 participantes entre estudantes de gastronomia, profissionais do varejo, restaurantes, líderes de açougue, profissionais do varejo, restaurantes, frigoríficos, produtores da região. “A abundância e a diversificação de profissionais que participaram da ação comprovaram que cada vez mais estão surgindo pessoas interessadas em adquirir conhecimento sobre a carne suína”, enfatizou Valdomiro Ferreira, presidente da APCS, ao ressaltar o potencial da proteína entre os açougues, supermercados e consumidores da cidade de Itu.

A capacitação teve início com o diretor executivo da  ABCS, Nilo de Sá, com a palestra “Conhecendo o mundo da suinocultura”. De forma clara e objetiva, de Sá contou sobre o desenvolvimento deste setor no Brasil e traçou suas características principais como: produção, exportação, qualidade de carne, sanidade, nutrição e segurança alimentar “A ação busca sensibilizar o público que certamente irá disseminar esse conteúdo para os seus familiares e também no ambiente profissional”, disse, ressaltando também que levar essas informações aos participantes é uma forma de multiplicar informações sobre os benefícios da carne suína.

Por cerca de duas horas, o especialista em cortes e consultor Marcos Bisinella, que é formado pelo Instituto de Tecnologia de Alimentos/Centro de Tecnologia de Carnes (ITAL/CTC), mostrou aos participantes como otimizar a carcaça suína. Mostrando na prática a retirada de mais de 40 opções de cortes suínos, o profissional falou sobre o manuseio correto da proteína, e destacou o quanto é possível melhorar a margem de lucro e diminuir o desperdício da carcaça. “Esse curso também é um oportunidade para qualificação. Os funcionários que trabalham dentro de normas, qualificado, dificilmente perdem o emprego. Além disso, estamos ensinando como diminuir a perda, melhorar a margem de lucro, e isso atinge diretamente a parte social”, explicou.

Carne suína entusiasma participantes

Marcio Augusto Mazzi, farmacêutico e chef de cozinha, disse que o curso trouxe informações que ainda desconhecia. “Tanto com relação ao conteúdo, quanto aos palestrantes, o domínio foi de 100%. Muita coisa que eu não sabia, passei a saber, não somente quanto a parte nutricional mas também a facilidade de preparo, quanto isso vem crescendo no Brasil. Na nossa área de gastronomia é pouco comentado com relação ao porco porque se tem um certo preconceito, que com certeza vai diminuir cada vez mais”.

O encarregado de açougue, Alexandre José de Almeida, disse que o curso foi bom para tirar o preconceito sobre a carne. “Essa consciência sobre a carne vou levar para o meu dia a dia. Já estamos trabalhando mais na parte de suínos e a partir de agora, com mais informação, poderemos melhorar ainda mais a conversa com o cliente”.

Geovana Martins, formada em gastronomia e busca se qualificar cada vez mais se surpreendeu com o treinamento. “Estou impressionada com a quantidade e qualidade das informações adquiridas sobre suínos. O treinamento foi esclarecedor e tenho certeza que esse aprendizado vai me qualificar ainda mais para o mercado profissional”, disse.

Já Agnaldo Teixeira, que é proprietário de açougue em Itu, conta que ação trouxe muitas novidades que ele levará para o seu negócio. “Aprendi uma grande diversidade de cortes suínos, inclusive de opções nobres como o mignon. Vou investir mais nessa proteína, que tem um excelente custo-benefício e pode me proporcionar uma margem de lucro ainda maior”.

Ação social

Além de oferecer capacitação gratuita a centenas de pessoas, de Itu e região, os alimentos e fraldas doados pelos participantes foram oferecidos ao Fundo Social de Solidariedade de Itu (Funssol). Prestigiando a ação, Patrícia Muller, primeira dama do município, agradeceu as arrecadações e ressaltou que ações como esta trazem benfeitorias a todos os envolvidos, gerando conhecimento, capacitação e ainda auxiliando a população carente.  Os cortes também foram doados a outra entidade de Itu, o Crescimento Limpo, que assiste pessoas em situação de rua oferecendo oportunidade de se reestabelecimento na sociedade.

Ao final do curso os participantes degustaram um delicioso lanche de pernil oferecido pela Agropecuária Ianni, APCS e ABCS.

, ,
1/12
, ,
2/12
, ,
3/12
, ,
4/12
, ,
5/12
, ,
6/12
, ,
7/12
, ,
8/12
, ,
9/12
, ,
10/12
, ,
11/12
, ,
12/12

Redação
Deixe seu Recado