AveSui2021
02-Set-2019 08:53 - Atualizado em 03/09/2019 09:43
Sanidade

Chineses investigam uso de vacinas piloto contra a PSA

Rumores de mercado de que vacinas-piloto produtos caseiros ou contrabandeados, estão sendo usados ??contra a PSA deixou autoridades do país em alerta

A China está investigando relatos de que suinocultores estão usando vacinas experimentais ilegalmente contra a peste suína africana, numa tentativa de prevenir a doença mortal, disse o Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais nesta segunda-feira (02/09).

Os rumores de mercado de que vacinas-piloto, bem como produtos caseiros ou contrabandeados, estão sendo usados ??contra a peste suína estão recebendo muita atenção dos produtores de suínos, informou o ministério em comunicado online.

O Ministério ordenou que os governos locais intensifiquem as fiscalizações e reprimam as vacinas ilegais, acrescentou.

O Instituto de Pesquisa Veterinária Harbin da China disse em maio que havia encontrado dois candidatos a vacina e estava planejando iniciar testes piloto.

Mas o ministério disse que seu produto mais avançado ainda estava apenas em testes piloto e que ainda não havia aprovado ensaios clínicos. Qualquer produto que alegasse ser uma vacina viável era, portanto, ilegal, acrescentou.

Ele alertou que o uso de vacinas vivas não aprovadas pode causar "riscos imprevisíveis de biossegurança", incluindo a disseminação da doença ou a introdução de uma nova cepa do exterior.

Enfatizou também que os produtores continuem concentrados nas medidas de prevenção e não dependerem de uma vacina, particularmente a ilegal.

O departamento de agricultura da província de Guangdong disse em um post em sua conta oficial do WeChat em 12 de agosto que contrabandeava vacinas da Espanha e do Vietnã recentemente apareceram no mercado, além de vacinas caseiras.

Não deu mais detalhes. As autoridades vietnamitas disseram em julho que recentemente tiveram sucesso na pesquisa de vacinas.

 

Redação com informações reuters
Deixe seu Recado