Alltech
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Peste Suína Africana

Cientistas chineses clonam porcos para reduzir risco de peste suína africana, diz agência

Pesquisadores usaram células das orelhas dos animais para a clonagem celular; técnica já resultou em pelo menos cinco nascimentos na cidade de Taicang

Redação com informações de Valor
05-Abr-2021 09:54

Cientistas chineses estão clonando porcos para reduzir o risco de contaminação da reprodução dos animais pela peste suína africana, segundo a agência chinesa Xinhua.

Os pesquisadores usaram células das orelhas dos porcos para realizar a clonagem celular e já resultaram no nascimento de cinco clones na cidade de Taicang, na província de Jiangsu.

A clonagem é vista como uma alternativa para preservar e fortalecer os recursos genéticos suínos, que podem ser ameaçados pela epidemia, segundo o pesquisador Gong Yuqing.

A China voltou a registrar casos de peste suína africana neste ano, após um período de controle da doença. Ontem, um novo foco foi reportado na província de Yunnan, no sudoeste

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade