Guia Gessulli
15-Mar-2019 09:05
Internacional

Colômbia desenvolve plano de redução de patógenos em suínos

Com apoio da Dinamarca o projeto busca fortalecer o conhecimento sobre os processos de segurança na produção de carne suína.

Especialistas dinamarqueses visitaram a Colômbia com o objetivo de avançar com a  missão de verificação e planejamento de ações para ser executados para 2019 sobre as questões veterinárias e segurança alimentar, para apoiar a construção de um plano para reduzir patógenos no setor de suinocultura do país.

Durante a visita, os peritos realizaram vários workshops que permitiram, a partir da experiência dinamarquesa, reforçar as competências das autoridades colombianas para realizar e implementar medidas preventivas para evitar a presença de microorganismos, incluindo as salmonellas na produção de suínos na Colômbia .

Segundo o governo colombiano, esses encontros permitem a troca de conhecimentos e tecnologias para o desenvolvimento do setor, a fim de apoiar a consolidação do Plano Nacional de Resistência aos Antimicrobianos para suínos, em que as instituições envolvidas na questão assumiram compromissos e tarefas futuras, trabalhando articulada pelo desenvolvimento da produção saudável e inócua, que permite o acesso a mercados especializados.

 "Continuamos a fortalecer o trabalho interinstitucional voltado para a segurança alimentar e a competitividade da produção suína do país. Os resultados dessa cooperação técnica tiveram um impacto positivo nos objetivos que temos de gerar uma produção mais segura",afirmou Aura María Pulido, Diretora Técnica de Suprimentos de Segurança e Pecuária do Instituto Colombiano de Agropecuária (ICA).

A próxima missão da cooperação dinamarquesa com a delegação está prevista para setembro deste ano, em que a autoridade dinamarquesa deve realizar um workshop sobre Comunicação de Riscos com ênfase em microorganismos patogênicos em alimentos - salmonella na carne de porco.

Redação SI
Deixe seu Recado