Rainha da Paz
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Empresa

Consultoria de análises estatísticas fortalece atuação em suinocultura na América Latina

Informações A.I
20-Fev-2017 15:54

Com atuação reconhecida no segmento de avicultura, a Agri Stats, empresa líder mundial no fornecimento de análises e relatórios estatísticos sobre custos de produção para a agroindústria, oferece também o trabalho de benchmarking para o mercado de suínos. A unidade brasileira da empresa, que tem atuação em toda a América Latina, possui um plantel médio de mais de 253 mil matrizes suínas em seus relatórios, com clientes no Brasil, México e Chile.

Para este segmento, a Agri Stas oferece a análise do desempenho e de custos dos animais, desde o nascimento até a saída para abate. “Contamos com todo o detalhamento de informação de desempenho e custo destes animais, e é esse diferencial que tem contribuído para a expansão dos negócios da empresa. As particularidades de cada cliente enriquecem o comparativo, mostrando que é possível criar animais com qualidade e custo mais baixo em diferentes realidades”, comenta o gerente-geral da empresa, Geraldo Broering. De acordo com o executivo, por mês, a empresa analisa mais de quatro milhões de suínos terminados, ou seja, animais indo para o abate.

Entre as particularidades do mercado de suínos está o ciclo de produção, que é mais longo. “Muitas empresas analisam o custo mensal de produção das fases e se esquecem que também é preciso avaliar o custo acumulado por lote terminado”, aponta.

Além do trabalho direto com o suínos, a Agri Stats também elabora relatórios específicos para os frigoríficos, com o rastreamento do custo de produção e classificação dos clientes por retorno de produtos vendidos. “O relatório do frigorífico conta com uma sessão especial em que separamos o custo de produção do preço de venda. Assim, o empresário consegue enxergar quais itens são mais rentáveis e onde é preciso atenção para ser mais competitivo frente ao mercado em que atua”, explica Geraldo.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade