AveSui 2020
31-Mai-2019 10:37 - Atualizado em 24/06/2019 09:37
Surto na Ásia

Coreia do Norte registra primeiro caso de PSA

Ao todo, 77 suínos morreram em virtude da doença e outros 22 foram abatidos

A Coreia do Norte reportou a primeira ocorrência de peste suína africana (PSA) em seu território. A notificação foi recebida pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) nesta quinta-feira (30).

Conforme a OIE, o surto teria sido observado no último dia 23 de maio e, dois dias depois, os casos foram confirmados. O caso ocorreu na província de Changang, em uma granja de cooperativa, perto da fronteira com a China. Ao todo, 77 suínos morreram em virtude da doença e outros 22 foram abatidos.

O surto de PSA na Coreia do Norte, segundo o portal de notícias Midiático, levou o governo da Coreia do Sul a realizar uma reunião de emergência nesta sexta-feira (31) para discutir formas de impedir a disseminação do vírus. As medidas incluirão o aumento da desinfecção perto das áreas fronteiriças entre as duas Coreias, disse o ministério.

“Embora o surto tenha ocorrido em Jagang, perto da fronteira da Coréia do Norte com a China, existe a possibilidade de o vírus se espalhar para o sul e planejamos tomar medidas extras de desinfecção”, disse Oh Soon-min, diretor geral do Ministério da Agricultura. uma coletiva de imprensa.

Separadamente, o ministério de unificação da Coreia do Sul disse que se comunicará com a Coréia do Norte através de um escritório de ligação inter-coreano para trabalhar em medidas detalhadas de proteção.

A disseminação de PSA na Ásia, depois de sair da Rússia, já atingiu criações de suínos da China, Hong Kong, Mongólia, Taiwan, Vietnã e Camboja.

Redação SI
Deixe seu Recado