Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Saúde & Nutrição Animal

Estresse colérico em suínos: intervenções nutricionais que funcionam

Os custos de introdução de tecnologias de resfriamento ambiental são altos, especialmente para os produtores menores. Suplementação e modificações das dietas são menos custosas, podem ser estrategicamente ajustadas e adequadas para todos os sistemas de produção

Redação
20-Abr-2022 08:35

O estresse calórico pressiona economicamente a produção de suínos em muitos países do mundo, e as mudanças climáticas atuais aumentaram a prevalência e a intensidade do estresse calórico. As intervenções nutricionais que dão suporte aos mecanismos de resiliência representam uma estratégia prática, adaptável e econômica para mitigar os efeitos negativos do estresse calórico e melhorar a produtividade animal.

Confira a matéria completa na edição 302 da Revista Suinocultura Industrial

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade