AveSui EuroTier South America Full
09-Jul-2019 08:48
Embarques

Exportações de carne suína iniciam julho em alta

Média diária de embarque e preço pago por tonelada são maiores que as médias registradas em junho

As exportações de carne suína in natura continuam crescendo neste início de mês. Com os casos de Peste Suína Africana que atinge a Ásia a demanda está cada vez maior e este cenário tem beneficiado o Brasil. Somente nos primeiros cinco dias do mês já foram embarcadas 15,2 mil toneladas ao mercado externo o que representa US$ 35,2 milhões. Os dados são do Ministério da Economia, Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

A média diária de embarques registrou um aumento de 3,5% passando de 2,9 mil toneladas em junho para 3,0 mil toneladas na primeira semana de julho. Na comparação com julho de 2018 os embarques diários cresceram 16,9%, a média registrada no período foi de 2,6 mil toneladas por dia.

Houve também valorização nos preços pagos por tonelada. Em junho a média de preço registrada foi de US$ 2.301,8, passando a US$ 2.321,70 nesta primeira semana do mês, registrando uma valorização de 0,9%. Com relação a julho de 2018 a valorização chega a 25,3%l, visto que no período o valor pago era de US$ 1.852,80.

Se as médias diárias se manterem, em julho as exportações de carne suína podem chegar a 70  mil toneladas remessadas ao mercado externo.

RESULTADOS GERAIS DA BALANÇA COMERCIAL

Na primeira semana de julho de 2019, a balança comercial registrou superávit de US$ 1,187 bilhão, resultado de exportações no valor de US$ 4,604 bilhões e importações de US$ 3,416 bilhões. No ano, as exportações somam US$ 114,446 bilhões e as importações, US$ 87,183 bilhões, com saldo positivo de US$ 27,263 bilhões.

 

Caroline Mendes/Redação SI
Deixe seu Recado