Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Manejo

Extensão rural comemora 66 anos ajudando a transformar a agropecuária no Paraná

O trabalho executado pelo IDR-Paraná vem ajudando a transformar a agropecuária paranaense, promovendo o desenvolvimento rural sustentável, coordenando, articulando e executando assistência técnica

Redação, com informações AEN
23-Mai-2022 08:08

A Extensão Rural completa nesta sexta-feira, dia 20, uma trajetória de 66 anos de trabalho junto ao produtor paranaense. O trabalho executado pelo IDR-Paraná (Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná) vem ajudando a transformar a agropecuária paranaense, promovendo o desenvolvimento rural sustentável, coordenando, articulando e executando assistência técnica.

Foi no dia 20 de maio de 1956 que a Extensão Rural chegou ao Paraná, com a instalação do Escritório Técnico de Agricultura (ETA) – Projeto 15, por meio de um convênio firmado entre os governos paranaense e norte-americano. O objetivo da iniciativa era melhorar a produtividade da agricultura paranaense.

Os resultados foram tão positivos que, terminado o convênio, uma ONG assumiu a continuidade do trabalho. Era a Acarpa (Associação de Crédito e Assistência Rural). Quando o Governo do Estado assumiu a assistência aos produtores, a ONG deu lugar à Emater (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Paraná), que em 2005 foi transformada em autarquia, o Instituto Emater.

Em 2019, o Governo do Estado fundiu os serviços do Instituto com o Iapar (Instituto Agronômico do Paraná), Codapar (Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná) e CPRA (Centro Paranense de Referência em Agroecologia), criando o IDR-Paraná (Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná-Iapar-Emater).

A Extensão Rural oficial é responsável pela execução de uma parte importante de diversos programas dos governos estadual, federal e municipais que dinamizam as economias locais em todo o Estado. As ações são diversas, desde a busca de melhores índices de produtividade e rentabilidade da pecuária, até a difusão de práticas que resultem na produção sustentável de grãos.

Os profissionais do IDR-Paraná também elaboram projetos para os agricultores atendidos pelo Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar), atende os beneficiários do Brasil Sem Miséria e prestam assistência técnica a assentamentos. Eles ainda estão presentes na execução de projetos do Programa de Crédito Fundiário que regulariza a posse de terras, bem como em projetos de desenvolvimento regional.

O IDR-Paraná também dá apoio a programas de outras secretarias como o Família Paranaense, Habitação Rural, Prorural, CAR (Cadastro Ambiental Rural), PAA (Programa de Aquisição de Alimentos), PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar).

Os profissionais do IDR-Paraná levam aos produtores inovações tecnológicas, informações sobre gestão da propriedade e práticas de manejo das criações, contribuindo para aumentar a qualidade dos alimentos produzidos no meio rural. Para mitigar os problemas ambientais da agricultura, os extensionistas participam de programas como o Manejo Integrado de Pragas e de Doenças, que vem reduzindo sensivelmente o uso de defensivos agrícolas nas lavouras. Em conjunto com outras instituições, o IDR-Paraná executa o Programa de Manejo de Águas e Solo em Microbacias, que melhora as condições do solo, evita a erosão e preserva os recursos hídricos no meio rural.

Assuntos do Momento

23 de Junho de 2022
Mercado Interno

Mesmo com entrada de 2ª quinzena, preços no mercado de suínos sobem

Segundo pesquisadores do Cepea, no caso do animal vivo, esse movimento de reação é influenciado pela baixa disponibilidade de suíno em peso ideal para abate, pelo clima ameno e por eventos festivos que favorecem o consumo

CNA pede mais R$ 710 milhões em 2022 para subvenção de apólices da safra verão
23 de Junho de 2022
Seguro Rural

CNA pede mais R$ 710 milhões em 2022 para subvenção de apólices da safra verão

Segundo nota da entidade, o crédito extra é necessário para garantir a cobertura do plantio da próxima safra de verão 2022/23 

21 de Junho de 2022
Exportações

Exportações de carne suína diminuem, mas mercado interno dá sinais de ajuste de oferta

Veja o panorama completo do mercado interno e externo de suínos durante o mês de junho

Aumento da margem de carne suína na China pode beneficiar grandes indústrias, como JBS e BRF
23 de Junho de 2022
Mercado

Aumento da margem de carne suína na China pode beneficiar grandes indústrias, como JBS e BRF

Após a redução no rebanho que vinha ocorrendo em função da diminuição da margem de carne suína na China, maio foi o primeiro mês de aumento do rebanho em 2022

Produção global de carne suína em 2022
22 de Junho de 2022
Comentário Suíno

Produção global de carne suína em 2022

Por Osler Desouzart, CEO da ODConsulting

Cresce a demanda por carne de frango e suína em Posadas, na Argentina
23 de Junho de 2022
Argentina

Cresce a demanda por carne de frango e suína em Posadas, na Argentina

“No total mais ou menos nós argentinos consumimos 110 kg de carne por ano e agora caiu para 47 kg, segundo os últimos dados que são de 2021”, disse Mariela Bernardi, administradora do Mercado Concentrado Posadas.

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade