Alltech
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Eventos

Governo do Paraná autoriza eventos presenciais de até 500 pessoas e inicia retomada

Mudanças acontecem diante de melhora nos indicativos da pandemia no Paraná, estado onde será realizada a feira AveSui América Latina 2022

Redação
04-Ago-2021 09:20 - Atualizado em 06/08/2021 09:25

Na última sexta-feira (30), o Governo do Paraná publicou um novo decreto reduzindo em uma hora o toque de recolher no estado e também autorizando a realização de alguns eventos com até 500 pessoas. Com a retomada dos eventos presenciais seguindo todas as restrições previstas, o Paraná será palco da AveSui América Latina 2022, o principal evento da indústria latino-americana de aves, suínos, peixes e leite nos dias 26 a 28 de abril em Medianeira, região oeste do estado.

As medidas decretadas estão válidas desde às 5h do sábado (31) até 15 de agosto de 2021. De acordo com o Governo, essas mudanças acontecem devido às análises dos indicativos da pandemia no Paraná, com redução de casos e mortes pela doença e da ocupação de leitos exclusivos para Covid-19.

Conforme novo texto apresentado, as restrições de circulação de pessoas em vias públicas e a venda de bebidas alcoólicas em locais públicos passa a ser das 00h até 5h.

Além disso, o decreto permite que eventos sejam realizados em locais abertos, para público exclusivamente sentado ou delimitado e sem consumo de alimentos e bebidas, com até 500 pessoas ou capacidade máxima de ocupação de 60%.

No caso de locais fechados, o decreto autoriza ocupação máxima de 40% para até 500 pessoas, sem nenhum tipo de consumo. Se houver consumo de comidas ou bebidas, o limite passa para 400 pessoas e lotação máxima de 30% do previsto e os participantes deverão, obrigatoriamente, apresentar teste negativo de Covid-19 ou comprovante de esquema vacinal completo.

Confira as demais autorizações:

  • Espaços com capacidade máxima de 200 pessoas poderão receber eventos de até 80 pessoas;
  • Espaços com capacidade entre 201 a 500 pessoas poderão sediar eventos de no máximo 150 pessoas;
  • Espaços com capacidade entre 501 a 1000 pessoas poderão sediar eventos de no máximo 300 pessoas;
  • Espaços com capacidade máxima acima de 1001 pessoas poderão sediar eventos de no máximo 400 pessoas.

Veja outras novas medidas

De acordo com o decreto, a realização de eventos será liberada de forma gradativa. Por isso, algumas categorias ainda seguem com proibição. São elas:

  • Realização presencial de eventos, de qualquer tipo, que possuam uma ou mais das seguintes características: dançantes ou de outra modalidade de interação que demandem contato físico entre os frequentadores;
  • Realização presencial de eventos, de qualquer tipo, em local fechado que não possua sistema de climatização com renovação do ar e Plano de Manutenção, Operação e Controle atualizados;
  • Realização presencial de eventos, de qualquer tipo, que demandem a permanência do público em pé durante sua realização;
  • Realização presencial de eventos, de qualquer tipo, com duração superior a 6 horas;
  • Realização presencial de eventos, de qualquer tipo, esportivos com presença de público;
  • Realização presencial de eventos, de qualquer tipo, que não consigam garantir o controle de público no local ou que possam atrair presença de público superior àquele determinado nesta norma, como exposições e festivais;
  • Realização presencial de eventos, de qualquer tipo, de caráter internacional;
  • Realização presencial de eventos, de qualquer tipo, realizados em locais não autorizados para esse fim.

AVESUI AMÉRICA LATINA 2022

Em seus 20 anos, a AveSui América Latina reuniu mais de 305 mil visitantes qualificados, algo próximo a 3.250 expositores, com a participação de 62 países, e um montante superior a R$ 500 bilhões em negócios gerados. Além disso, o evento oferece uma oportunidade única para a exibição de produtos e serviços.

Com a presença de um público focado em negócios, a AveSui 2022 já se prepara para ser novamente o mais tradicional ponto de encontro do setor de proteína animal da América Latina.

 

AVESUI AMÉRICA LATINA 2022

Data: 26 a 28 de abril

Local: Medianeira (PR)

Realização: Gessulli Agribusiness

Fone: (11) 4013-1277 / (11) 9 3292-1843

E-mail: [email protected]

Site: www.avesui.com 

Assuntos do Momento

Haiti registra mais um caso de Peste Suína Africana nas Américas
21 de Setembro de 2021
Ocorrência Sanitária

Haiti registra mais um caso de Peste Suína Africana nas Américas

A ocorrência foi confirmada ontem (20/09) pela OIE; é o segundo caso da enfermidade na América Latina, o que acende um alerta ainda maior em toda a suinocultura da região

Preço do suíno vivo sobe em vários estados
20 de Setembro de 2021
Análise de Mercado

Preço do suíno vivo sobe em vários estados

Após um começo de mês nada animador para o segmento, a última semana registrou novos aumentos em várias praças. Valor poderia ser maior, mas baixo poder aquisitivo da população segue impedindo.

Situação é preocupante na suinocultura com custos superando preço do animal vivo
16 de Setembro de 2021
Custos

Situação é preocupante na suinocultura com custos superando preço do animal vivo

Quadro afeta especialmente os produtores independentes, que têm menos poder de fogo nas negociações de grãos para ração

Preços do milho seguem tendências distintas entre regiões, mas recuos prevalecem
20 de Setembro de 2021
Insumos

Preços do milho seguem tendências distintas entre regiões, mas recuos prevalecem

De acordo com colaboradores do Cepea, a liquidez segue baixa, com muitos compradores ausentes do mercado – esses agentes sinalizam ter estoques, pelo menos para curto prazo, e estão à espera de novas desvalorizações

20 de Setembro de 2021
EUA

Nos EUA, deputados democratas pedem recursos para prevenir peste suína africana

Grupo de deputados pediu US$ 75 milhões em recursos para que autoridades de saúde animal previnam e se preparem para um possível surto de PSA no país

Competitividade da carne de frango frente à suína é a menor em 9 anos
17 de Setembro de 2021
Mercado

Competitividade da carne de frango frente à suína é a menor em 9 anos

Levantamento do Cepea mostra que, na média deste mês (até o dia 15), a diferença entre a carcaça especial suína, também comercializada na Grande São Paulo, e o frango inteiro é de apenas 1,19 Reais/kg

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade