AveSui2021
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Investimento

Granja Rio Verde representa um marco para expansão da Suinocultura

Com investimento de R$ 55 milhões, a Granja Rio Verde vai operar como Núcleo Filial de Rebanho Fechado e será uma das maiores unidades desse tipo dentro da rede de Multiplicação da Agroceres PIC. 

Redação
08-Mar-2021 09:34

A Cooperativa Agropecuária São Gabriel do Oeste (Cooasgo) deu início ao povoamento da Granja Rio Verde, uma das mais modernas unidades de produção de suínos do País. Resultado de um investimento de R$ 55 milhões, a Granja Rio Verde vai operar como Núcleo Filial de Rebanho Fechado e será uma das maiores unidades desse tipo dentro da rede de Multiplicação da Agroceres PIC. 

Ao todo, serão cinco mil fêmeas alojadas, entre avós e bisavós, e capacidade para produzir um volume superior a 160 mil animais por ano, dentre os quais 40 mil matrizes Camborough. “Esse novo investimento é muito importante para a Cooasgo. Trata-se de um marco para nosso negócio de suínos. Temos absoluta convicção de que esse empreendimento vai ajudar a desenvolver ainda mais a suinocultura de nossa região, oferecendo aos suinocultores produtos e soluções genéticas de ponta”, afirma Sergio Luiz Marcon, presidente da COOASGO.   

Com 40,5 mil m² de área construída, a Granja Rio Verde tem como principal característica o elevado padrão tecnológico e sanitário. Todos os processos produtivos são automatizados e as instalações climatizadas. O local escolhido para a construção da unidade foi definido a partir de um criterioso estudo. Tudo para garantir o mais elevado status sanitário. 

De acordo com a assessoria, a unidade da COOASGO irá operar com sistema de monitoramento genético para produção fechada AGPIC Plus. Com o foco voltado à máxima sanidade, o programa promove a auto reposição do plantel por meio da Genética Líquida Agroceres PIC, minimizando o risco de introdução de agentes infecciosos, além de proporcionar um progresso genético consistente, aumentando a eficiência produtiva dos plantéis. 

Com a inauguração da Granja Rio Verde, a COOASGO amplia sua base produtiva para 19 mil matrizes em produção. De olho no futuro, a cooperativa projeta novos investimentos nos próximos 5 anos. Entre eles, a construção de três modernas Unidades de Produção de Desmamados (UPDs), que elevará o plantel reprodutivo da COOASGO para 35 mil matrizes.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade