Alltech SI
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Sanidade

Itália irá abater javalis para conter Peste Suína Africana

Na semana passada a doença foi detectada em um javali em Roma, primeiro caso fora do norte do país

Redação
11-Mai-2022 09:55

A Itália anunciou na segunda-feira (09/05) o abate de javalis ao redor de Roma depois que a peste suína africana foi detectada em um dos milhares que vivem na capital italiana e nos arredores.

Um surto da doença foi relatado no noroeste da Itália no início do ano, e o caso encontrado em Roma na semana passada, o primeiro detectado no centro da Itália, provocou temores de uma epidemia em expansão.

O plano das autoridades italianas é reduzir "seletivamente" a população de javalis de Roma. A região proibiu piqueniques e ordenou que lixeiras fossem cercadas em grandes áreas do norte de Roma, onde a doença foi encontrada. A população de javalis do Lácio muitas vezes entra na cidade, procurando comida em latas de lixo que muitas vezes transbordam.

Em um comunicado na segunda-feira, a região do Lácio disse que dos 16 testes realizados em javalis após a detecção do primeiro caso na semana passada, dois foram "muito provavelmente" positivos para a peste suína. Os resultados definitivos ainda não estavam disponíveis.

A ministra da Saúde Júnior, Andrea Costa, disse que a disseminação de javalis é um problema em toda a Itália e que um "abate em larga escala" é necessário em todo o país, apesar das preocupações de grupos de direitos dos animais e ambientalistas.

A China suspendeu as importações de carne suína da Itália em janeiro, depois que a doença foi detectada em um javali na região noroeste do Piemonte. O governo italiano posteriormente nomeou um comissário especial para coordenar as medidas destinadas a eliminar a doença.

 

 

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade