AveSui2021
13-Out-2020 10:08
Pandemia

Justiça determina que JBS faça testes para covid-19 em todos os funcionários de Montenegro (RS)

Há mais de 2,2 mil trabalhadores no abatedouro gaúcho da gigante das carnes

A pedido do Ministério Público do Trabalho (MPT), a Justiça determinou que a JBS aplique testes para covid-19 em todos os funcionários do frigorífico de Montenegro, no Rio Grande do Sul.

A medida também será aplicada para trabalhadores terceirizados da unidade. Na planta, há mais de 2,2 mil trabalhadores.

Em nota, o MPT informou nesta segunda-feira (12) que essa foi a sétima ação ajuizada contra o JBS no Rio Grande do Sul desde o início da pandemia. A decisão judicial contra a empresa saiu na última sexta-feira (9).

Procurada, a JBS informou que "não comenta processos judiciais em andamento e reitera que adotou protocolos rígidos para o enfrentamento da covid-19".

Na decisão, o desembargador Gilberto Souza dos Santos determinou que a empresa tem o prazo de 20 dias para realizar uma triagem médica de seus funcionários.

Depois, eles serão testados pelo método RT-PCR, ou antígeno. Os que testarem positivo deverão se manter afastados por 14 dias, a partir da data da coleta, retornando ao trabalho após este prazo, se estiverem assintomáticos há pelo menos 72 horas.

Aqueles que testarem negativos, mas ainda apresentarem sintomas compatíveis com uma possível infecção por covid-19, deverão ser mantidos em afastamento e isolamento e, após 10 dias da realização da testagem.

A pena para o descumprimento da determinação será de multa diária de R$ 50 mil reais por cada item descumprido, e mais R$ 10 mil por trabalhador não afastado e/ou testado.

Valor
Deixe seu Recado