Guia Gessulli
18-Out-2019 14:12
Reunião

Lideranças se unem com diretores da Itaipu Binacional em prol do desenvolvimento regional

A Frimesa sediou uma reunião produtiva com diretores da Itaipu Binacional, Parque Tecnológico Itaipu (PTI), cooperativas e associações do Oeste do Paraná, na quarta-feira (16).

A Frimesa sediou uma reunião produtiva com diretores da Itaipu Binacional, Parque Tecnológico Itaipu (PTI), cooperativas e associações do Oeste do Paraná, na quarta-feira (16).

Foram apresentadas as ações necessárias para promover o desenvolvimento da região, a importância de parcerias e a união de todas as entidades e prol de um bem comum. “Temos compromisso com o Oeste, queremos conversar, buscar informações e construir juntos o planejamento de ações. Ficamos orgulhosos de ouvir as histórias desses empreendedores, principalmente da Frimesa. Juntas, as pessoas fazem milagres, se fazem ouvir, se comunicam. Parabéns a todos é um orgulho para o estado e país”, avalia o diretor-geral da Itaipu, general, Joaquim Silva e Luna que apresentou ações desenvolvidas em oito meses de atuação.

Entre os compromissos firmados pelo diretor está a elaboração do planejamento estratégico para o próximo ano e também para 2023 quando deverá ser renovado o tratado. “Iremos manter os royalties, investiremos em infraestrutura para o Oeste do Paraná, queremos focar apenas no que for de acordo com a missão da Itaipu: responsabilidade social, ambiental e a preservação do lago”, reforça.

O diretor-presidente da Frimesa, Valter Vanzella, fez uma apresentação sobre a empresa, formada por cinco cooperativas (Copagril, Lar, C.Vale, Copacol e Primato). Para Vanzella, essa foi uma grande oportunidade de dialogar com pessoas importantes, influenciadoras e que possuem poder de decisão. “Somando esforços conseguiremos chegar longe. Precisamos integrar a região. É importante focarmos em nossa infraestrutura, principalmente estradas porque trabalhamos com produtos que precisam circular”, reforça.

O diretor executivo da Frimesa, e vice -presidente do POD, Elias José Zydek, apresentou o Programa Oeste em Desenvolvimento (POD), que tem unido forças públicas e privadas, para o planejamento e a implementação de uma estratégia de desenvolvimento integrada. Foram abordados os eixos:  infraestrutura e logística; energia; saneamento; sanidade agropecuária; Sistema Regional de Inovação (SRI), educação empreendedora; e garantia da propriedade rural.

O Parque Tecnológico da Itaipu (PTI) esteve representado pelo diretor-superintendente do PTI, general Eduardo Castanheira Garrido. O parque passou por uma revisão em suas atividades e alinhou os trabalhos em quatro temas: agronegócio, energia, turismo e cidades, e segurança.  “Nosso foco será o agronegócio, desenvolvimento de plataformas de inovação, como por exemplo, trazer startups com o objetivo de unir demandas”, afirmou.

As cooperativas foram representadas pelos presidentes: Copagril, Ricardo Silvio Chapla; Lar, Irineo da Costa Rodrigues; C. Vale, Alfredo Lang; Primato, Ilmo Werle Welter; e Coopavel, Dilvo Grolli. Esteve presente também: o diretor de Coordenação da Itaipu, general Luiz Felipe Carbonell, presidente da Associação Comercial e Industrial de Foz (Acifi), Faisal Mahmoud Ismail; entre outros.

Redação AI/SI
Deixe seu Recado