Guia Gessulli
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Estudos da Embrapa

Panorama da Suinocultura

Apesar das dramáticas consequências humanas, sociais e econômicas da pandemia de Covid-19, é possível afirmar que a maior crise sanitária do último século teve um impacto menor no consumo e no mercado mundial de carnes do que as mudanças decorrentes da PSA

Redação SI
16-Dez-2021 15:03 - Atualizado em 17/12/2021 08:43

Em 2021, a dinâmica da suinocultura permanece vinculada aos impactos da Peste Suína Africana (PSA) no mercado internacional e nos preços das carnes e dos ingredientes das rações, bem como à desvalorização do Real. Com isso se ampliou a participação brasileira no mercado internacional.

Por outro lado, este cenário elevou os custos de produção, já bastante impactados pela quebra da safra de milho, a níveis recorde.

Confirma a matéria completa no Anuário 2022 da revista Suinocultura Industrial

Assuntos do Momento

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade