AveSui
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Relações Internacionais

Plano de promoção da imagem do agro do país é renovado

Ministro das Relações Exteriores, Carlos França, afirmou que estratégia é fundamental para combater o “recrudescimento do protecionismo” no comércio internacional

Redação com informações de Valor
15-Set-2021 09:37

O ministro das Relações Exteriores, Carlos França, afirmou ontem que a promoção da imagem do agronegócio brasileiro é fundamental para combater o “recrudescimento do protecionismo” no comércio internacional. De acordo com o chanceler, o sucesso do setor terá papel de destaque no discurso que o presidente da República, Jair Bolsonaro, fará na abertura da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) neste mês.

Durante o evento de lançamento do Programa de Imagem e Acesso a Mercados do Agronegócio Brasileiro (PAM Agro) 2021-2023, em Brasília, França alertou que “percepções equivocadas” sobre os produtos agropecuários brasileiros poderão resultar em barreiras comerciais nos próximos anos contra o Brasil.

A ação, promovida pelo governo federal e um conjunto de 15 entidades ligadas ao setor, terá foco na divulgação de informações sobre a cadeia produtiva na Europa. A preocupação é com a discussão, em alguns países europeus, de propostas legislativas que criam restrições ao comércio com o Brasil. Mesmo assim, França frisou que “estamos prestes a celebrar a ratificação do acordo entre União Europeia e Mercosul”.

O chanceler afirmou que “um desafio central é a necessidade de fortalecer, no mercado internacional, a credibilidade das instituições regulatórias brasileiras” e chamou a atenção para “barreiras ambientais” ao comércio brasileiro. Segundo ele, essas restrições representam uma “ameaça forte e injusta à reputação do agronegócio brasileiro”.

O chefe do Itamaraty disse, ainda, que as legislações aprovadas em países importadores “têm potencial de restringir” as exportações brasileiras de maneira “indevida e discriminatória”. Ele demonstrou preocupação com a “disseminação de uma visão reducionista que restringe a sustentabilidade ao seu pilar ambiental, ignorando as vertentes o social e econômica”.

Parceiro confiável

Segundo França, a sustentabilidade ambiental é mais do que apenas a questão do desmatamento, atacada por países importadores. Ele exaltou a marca sustentável da produção agropecuária do país e o cumprimento das obrigações como fornecedor de alimentos ao mundo durante a pandemia, sem interromper exportações. “Comprovamos que somos um parceiro confiável”, disse. “O Brasil pode manter e ampliar a contribuição para segurança alimentar no mundo”, afirmou.

O PAM Agro foi lançado em 2017. A segunda fase, lançada hoje, terá foco na elaboração de uma estratégia de comunicação profissional e específica ao público europeu. O programa é liderado pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), o Ministério da Agricultura e o Ministério das Relações Exteriores. Serão promovidos eventos, pesquisas e a divulgação de conteúdos e “mensagens-chave” ao público estrangeiro.

O presidente da Apex-Brasil, Augusto Pestana, disse que o programa vai “intensificar o combate contra a desinformação, o desconhecimento e contra as distorções” a respeito do agronegócio brasileiro. Segundo ele, a “informação boa e veraz parece ser, muitas vezes, uma commodity escassa” também no Brasil. “Vamos levar a verdade à opinião pública internacional, principalmente a europeia (...) O jogo em que entramos não será fácil nem rápido, mas é o jogo que temos que jogar com consistência caso não queiramos correr o risco de ver passivamente a destruição de um patrimônio”, afirmou.

Assuntos do Momento

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade