AveSui2021
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Assine a Revista Revista Digital Anuncie
Rio Grande do Sul

Preço médio do suíno vivo começa o ano a R$ 7,74 o quilo no RS

Já o preço médio na integração apontado pela pesquisa é de R$ 6,00

Redação SI
11-Jan-2021 09:21

O ano de 2021 inicia com a média paga pelo quilo do suíno vivo no Rio Grande do Sul a R$ 7,74 o quilo. A informação foi apontada pela Pesquisa Semanal da Cotação do Suíno, Milho e Farelo de Soja, realizada pela Associação de Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (Acsurs).

O custo médio da saca de 60 quilos de milho ficou em R$ 78,00. Já o preço da tonelada do farelo de soja (preço da indústria – FOB) é de R$ 2.642,50 para compras à vista e no prazo (30 dias) é de R$ 2.660,00.

O preço médio na integração apontado pela pesquisa é de R$ 6,00. As cooperativas e agroindústrias apresentaram as seguintes cotações: Cooperalfa/Aurora: R$ 6,40 (base suíno gordo) e R$ 6,00 (base leitão de 6 a 23 quilos), ambos com vigência desde 09/11; Cosuel/Dália Alimentos R$ 5,90, com vigência desde 07/12; Cooperativa Languiru R$ 6,00, vigente desde 07/12; Majestade R$ 6,40, desde 09/11; Alibem R$ 5,90 (base suíno leitão) e R$ 5,30 (base creche e terminação) , vigente desde 16/11; JBS R$ 5,90, vigente desde 10/11; BRF R$ 5,90, vigente desde 13/11, e Pamplona R$ 6,40 ( base terminação) e R$ 6,00 (base suíno leitão), vigente desde 09/11.