Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Conteúdo Técnico

Selênio orgânico na dieta de machos reprodutores suínos: o que temos a dizer sobre a Hidróxi-Selenometionina

O fornecimento de selênio em níveis adequados é essencial para o desenvolvimento e a maturação do gameta masculino, sendo o mineral um importante fator modulador da produção espermática, qualidade seminal e fertilidade

Por Ana Paula Pinoti Pavaneli, Cristian Hernando Garcia Martinez, Simone Maria Massami Kitamura Martins, Diego Vilela Alkmin, Garros do Valle Fontinhas-Netto, Naiara Simarro Fagundes, André Furugen Cesar de Andrade
05-Abr-2022 09:09

A suinocultura moderna tem se preocupado não apenas em aumentar a sua produção e capacidade de oferta de alimento para o mundo, como também em atender a demanda de mercados consumidores cada vez mais exigentes. Seguindo o conceito de saúde única, bem-estar único – one health, one welfare em inglês – o sistema atravessa uma importante fase em sua história, abandonando algumas concepções e práticas consolidadas, e incorporando questões relacionadas ao bem-estar dos animais, qualidade de vida das pessoas envolvidas, e os cuidados com o meio ambiente. No entanto, ainda que estejamos falando sobre um novo cenário na suinocultura – mais humanizado e sustentável – a implantação de novas práticas e tecnologias capazes de melhorar a eficiência produtiva do sistema continuam sendo de extrema importância para a sua permanência de forma competitiva no mercado.

Quando falamos em eficiência produtiva, abrangemos o conceito de produzir mais e melhor, a partir de um mesmo recurso. Tornando a ideia mais aplicada, pensemos em uma Unidade de Difusão Genética (UDG), local onde encontra-se os machos do topo da pirâmide genética na suinocultura. Aumentar a eficiência produtiva da UDG faz com que o melhoramento genético chegue ainda mais rápido nas granjas de produção de suínos, e por consequência, melhorem sua eficiência produtiva. Neste caso, é certo que a tendência crescente para o uso de um menor número de espermatozoides por dose inseminante, bem como a redução do número de doses utilizadas por estro por fêmea, corroboram para um uso mais inteligente dos machos reprodutores (cachaços).

Nas UDGs busca-se um aumento na produtividade de cada macho reprodutor, aumentando a produção espermática e maximizando o número de doses de sêmen produzidas. Nas granjas de produção de leitões, o aumento de produtividade passa pelo aumento da taxa de prenhez das fêmeas reprodutoras, e pelo aumento do número de leitões nascidos vivos.

Assim, além da necessidade de oferecer boas condições sanitárias, de ambiência com instalações apropriadas, de manejo adequado e água de qualidade, é importante garantir que os animais em reprodução estejam recebendo uma dieta balanceada. A nutrição de cachaços tem se mostrado um importante modulador da produção e qualidade seminal, o que também é observado em outras espécies de animais domésticos e mesmo para a espécie humana, impactando diretamente a fertilidade do macho (Wilson et al., 2004; Singh et al., 2018; Fouad et al., 2020; Skoracka et al., 2020). Níveis adequados de energia, proteínas e aminoácidos, lipídeos, vitaminas e microminerais foram estabelecidos como essenciais para o cachaço adulto (NRC, 2012; Rostagno et al., 2017), e dentro desta composição de nutrientes temos o micromineral selênio, foco deste artigo.

Assuntos do Momento

23 de Junho de 2022
Mercado Interno

Mesmo com entrada de 2ª quinzena, preços no mercado de suínos sobem

Segundo pesquisadores do Cepea, no caso do animal vivo, esse movimento de reação é influenciado pela baixa disponibilidade de suíno em peso ideal para abate, pelo clima ameno e por eventos festivos que favorecem o consumo

CNA pede mais R$ 710 milhões em 2022 para subvenção de apólices da safra verão
23 de Junho de 2022
Seguro Rural

CNA pede mais R$ 710 milhões em 2022 para subvenção de apólices da safra verão

Segundo nota da entidade, o crédito extra é necessário para garantir a cobertura do plantio da próxima safra de verão 2022/23 

21 de Junho de 2022
Exportações

Exportações de carne suína diminuem, mas mercado interno dá sinais de ajuste de oferta

Veja o panorama completo do mercado interno e externo de suínos durante o mês de junho

Aumento da margem de carne suína na China pode beneficiar grandes indústrias, como JBS e BRF
23 de Junho de 2022
Mercado

Aumento da margem de carne suína na China pode beneficiar grandes indústrias, como JBS e BRF

Após a redução no rebanho que vinha ocorrendo em função da diminuição da margem de carne suína na China, maio foi o primeiro mês de aumento do rebanho em 2022

Produção global de carne suína em 2022
22 de Junho de 2022
Comentário Suíno

Produção global de carne suína em 2022

Por Osler Desouzart, CEO da ODConsulting

Cresce a demanda por carne de frango e suína em Posadas, na Argentina
23 de Junho de 2022
Argentina

Cresce a demanda por carne de frango e suína em Posadas, na Argentina

“No total mais ou menos nós argentinos consumimos 110 kg de carne por ano e agora caiu para 47 kg, segundo os últimos dados que são de 2021”, disse Mariela Bernardi, administradora do Mercado Concentrado Posadas.

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade