Guia Gessulli
23-Ago-2017 15:56 - Atualizado em 24/08/2017 09:16
Reconhecimento

Selo da Agricultura Familiar é concedido para cooperativa gaúcha

Certificação é concedida pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário

A Dália Alimentos está habilitada a utilizar em seus produtos o Selo de Identificação da Participação da Agricultura Familiar (SIPAF). A certificação é concedida pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário.

O SIPAF é uma importante conquista da Agricultura Familiar, pois constitui-se em um mecanismo de promoção comercial para os produtos de forma a melhor posicioná-los no mercado e promover a valorização da agricultura familiar como importante segmento para o desenvolvimento econômico e social do país, pois fortalece sua identidade perante aos consumidores, informando e divulgando sua presença na produção de alimentos, bebidas e artesanatos. Além disso, o selo pretende dar visibilidade às empresas e aos empreendimentos que promovem a inclusão econômica e social dos agricultores, gerando mais empregos e renda no campo.

Toda linha de produtos Dália tem como matéria-prima a agricultura familiar. A cooperativa possui em torno de 4,3 mil famílias associadas que produzem suínos e leite em 130 municípios, o equivalente a um quarto das cidades gaúchas. Em breve o Selo estará estampado nas embalagens de produtos suínos e lácteos disponíveis nas gôndolas das redes varejistas e de supermercados onde os produtos Dália estão presentes.

Para o gerente da Divisão Comércio e Marketing – Produtos Suínos, Paulo Weingartner, o consumidor de hoje, no momento da compra, está atento a diversos itens, como preço, qualidade, apresentação e procedência do produto. “Sob essa ótica, o Selo será um diferencial na comercialização do produto. A empresa orgulha-se em receber este Selo que representa o esforço e o trabalho de centenas de famílias, seguindo nossa filosofia de trabalho”.

Por fim, o presidente do Conselho de Administração, Gilberto Antônio Piccinini, comenta que a conquista do Selo reflete em valorização das pequenas propriedades. “A produção e organização de pequenos produtores está alicerçada nas cooperativas, pois são elas que viabilizam a comercialização e industrialização dos produtos. Este Selo representa agregar valor e tornar a produção agropecuária ainda mais reconhecida nas gôndolas”.

Ascom
Deixe seu Recado