Guia Gessulli
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Sistema de Integração

Sistema Faesc/Senar avança na estruturação das Cadec's em Santa Catarina

Produtores recebem assessoria técnica e jurídica gratuita para fortalecer cadeias integradas da avicultura, suinocultura e fumicultura

Sistema Faesc/Senar
05-Fev-2021 09:36 - Atualizado em 08/02/2021 08:57

O Sistema Faesc/Senar-SC iniciou o ano com avanços na organização das Comissões de Acompanhamento, Desenvolvimento e Conciliação da Integração (Cadecs) nas cadeias da avicultura, suinocultura e fumicultura no Estado. O objetivo é fortalecer e organizar os produtores rurais integrados por meio de estrutura técnica e jurídica gratuita, disponibilizada pela entidade aos catarinenses.  

O atendimento das demandas dos produtores integrados vem sendo realizado pela FAESC desde outubro do ano passado. O prestador de serviço de instrutoria Erno Menzel, vem acompanhando as reuniões e ministrando capacitações em diversas regiões do Estado para esclarecer dúvidas sobre a legislação, realizando levantamento de custos de produção, assessorando os produtores integrados, membros das Cadecs e mediando as negociações com as agroindústrias (integradoras), com apoio da Assessoria Técnica e Jurídica da FAESC.

Criada pela Lei da Integração (Lei 13.288/2016) para promover a transparência na relação contratual entre produtores integrados e agroindústrias, a Cadec tem como objetivos a elaboração de estudos e análises relacionados às cadeias produtivas e ao Contrato de Integração Vertical; o acompanhamento e apreciação dos padrões mínimos de qualidade exigidos para os insumos e produtos objetos do contrato; o estabelecimento de sistemas de acompanhamento e avaliação do cumprimento dos encargos e obrigações dos contratantes; o esclarecimento de dúvidas e solução de litígios entre os produtores integrados e a integradora; a definição de requisitos técnicos e financeiros a serem empregados na atualização de indicadores agropastoris e a formulação de um plano de modernização tecnológica da integração.

O presidente do sistema Faesc/Senar-SC, José Zeferino Pedrozo, explica que as Cadecs em Santa Catarina estão sendo orientadas, assessoradas e fortalecidas pelo Sistema Faesc/Senar em parceria com os Sindicatos Rurais. “Estamos capacitando os produtores, prestando assessoria técnica e treinando-os gratuitamente para definirem estratégias, participarem das negociações diretamente com as agroindústrias e alcançarem melhores resultados em conjunto”, grifa o dirigente.

Em janeiro, foram oito promovidos encontros promovidos em Chapecó, São Miguel do Oeste, Ipumirim, Itaiópolis, Videira e Seara nas cadeias de avicultura e suinocultura. Em fevereiro, nas mesmas cadeias, estão agendadas reuniões nestes municípios, além de Concórdia e Itapiranga para levantamento e validação de custos de produção. O trabalho segue durante o ano todo, também na cadeia do Tabaco que iniciará os encontros nos próximos dias.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade