Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
PSA

Suinocultores tailandeses estão irritados com surtos de peste suína africana

A confirmação oficial do governo da presença da doença desencadeou uma tempestade política, com um parlamentar da oposição acusando o governo de um acobertamento de anos. 

Redação com informações de Reuters
02-Fev-2022 17:31 - Atualizado em 03/02/2022 08:21

A suinocultora tailandesa Jintana Jamjumrus, 75, suspeitou há dois anos que seu rebanho havia sido infectado com peste suína africana quando dezenas de animais morreram após desenvolver sintomas.

Mas o governo tailandês insistiu até o mês passado que a doença viral mortal dos porcos - que matou centenas de porcos na Europa e na Ásia - não havia entrado na Tailândia.

A confirmação oficial do governo da presença da doença desencadeou uma tempestade política, com um parlamentar da oposição acusando o governo de um acobertamento de anos. Um vice-ministro da Agricultura negou a acusação.

"Não há como eles (autoridades) não saberem. Porcos morreram em todo o país e eles ainda disseram que não havia surto. Por que o encobrimento?" disse Jintana.

O governo tailandês detectou a peste suína em 22 áreas em 13 províncias e abateu mais de 400 porcos em fazendas afetadas, disse Bunyagith Pinprasong, diretor do Bureau of Disease Control and Veterinary Services.

Bunyagith disse que as autoridades abateram quase 300.000 porcos considerados de alto risco da doença entre 2019 e 2021, mas não foi detectado em nenhuma de suas amostras.

A maioria das mortes de porcos foi devido à síndrome reprodutiva e respiratória suína (PRRS), acrescentou.

Quando a Tailândia confirmou o primeiro surto de PSA no mês passado, quase 100.000 pequenos proprietários, ou aqueles que criam até 50 porcos, haviam desaparecido, deixando apenas 79.000, mostram números do governo sobre a indústria pecuária.

Os rebanhos de pequenos agricultores foram reduzidos pela metade para 1 milhão de porcos, respondendo pela maior parte da perda no rebanho nacional, que é de 10,85 milhões, 17% abaixo dos 13,1 milhões do ano passado, mostram os dados.

A redução no gado levou os preços domésticos da carne suína a um recorde histórico. Os preços da carne suína no varejo em Bangkok subiram para 215 baht (US$ 6,47) por quilo em 11 de janeiro, a média diária mais alta no banco de dados do Ministério do Comércio, que remonta a 2001.

"Não teria ido tão longe com mais pequenos produtores ainda no mercado para contrabalançar o poder das grandes corporações", disse Sittichai Suksomboon, um suinocultor de 55 anos.

A Tailândia suspendeu no mês passado as exportações de suínos vivos até abril para reforçar a oferta doméstica. Bunyagith disse que o governo planeja oferecer novos leitões aos pequenos produtores a preços com desconto, mas reconheceu que levaria até 10 meses para aliviar a escassez de oferta.

Assuntos do Momento

23 de Junho de 2022
Mercado Interno

Mesmo com entrada de 2ª quinzena, preços no mercado de suínos sobem

Segundo pesquisadores do Cepea, no caso do animal vivo, esse movimento de reação é influenciado pela baixa disponibilidade de suíno em peso ideal para abate, pelo clima ameno e por eventos festivos que favorecem o consumo

CNA pede mais R$ 710 milhões em 2022 para subvenção de apólices da safra verão
23 de Junho de 2022
Seguro Rural

CNA pede mais R$ 710 milhões em 2022 para subvenção de apólices da safra verão

Segundo nota da entidade, o crédito extra é necessário para garantir a cobertura do plantio da próxima safra de verão 2022/23 

21 de Junho de 2022
Exportações

Exportações de carne suína diminuem, mas mercado interno dá sinais de ajuste de oferta

Veja o panorama completo do mercado interno e externo de suínos durante o mês de junho

Aumento da margem de carne suína na China pode beneficiar grandes indústrias, como JBS e BRF
23 de Junho de 2022
Mercado

Aumento da margem de carne suína na China pode beneficiar grandes indústrias, como JBS e BRF

Após a redução no rebanho que vinha ocorrendo em função da diminuição da margem de carne suína na China, maio foi o primeiro mês de aumento do rebanho em 2022

Produção global de carne suína em 2022
22 de Junho de 2022
Comentário Suíno

Produção global de carne suína em 2022

Por Osler Desouzart, CEO da ODConsulting

Cresce a demanda por carne de frango e suína em Posadas, na Argentina
23 de Junho de 2022
Argentina

Cresce a demanda por carne de frango e suína em Posadas, na Argentina

“No total mais ou menos nós argentinos consumimos 110 kg de carne por ano e agora caiu para 47 kg, segundo os últimos dados que são de 2021”, disse Mariela Bernardi, administradora do Mercado Concentrado Posadas.

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade