Alltech SI
Peste Suína Africana AveSui Inside Cooperativas Agroindústrias Bem - Estar Animal América Latina Comentário Suíno Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Genética Geral Insumos Manejo Meio Ambiente Mercado Externo Mercado Interno Nutrição Piscicultura Pesquisa e Desenvolvimento Processamento de Carne Sanidade Sustentabilidade Saúde Animal Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Bolsa de Suínos

Suíno vivo volta a ter valorização nos estados

O quilo chegou a R$ 5,06 em São Paulo e R$ 5 em Minas Gerais e Goiás ao longo de setembro

Anderson Oliveira / Redação SI
24-Set-2019 11:04

Os preços quilo do suíno comercializado vivo tiveram alta em todos os estados produtores, de acordo com dados das associações regionais. Com isso, o valor do quilo chegou a R$ 5,06 em São Paulo e R$ 5 em Minas Gerais e Goiás ao longo de setembro. Em Mato Grosso, o preço é o menor e teve pouca variação no mês, chegando a R$ 3,74. Acompanhe a Bolsa de Suínos aqui.

Os estados de Minas Gerais e Goiás tiveram a maior valorização do suíno vivo. Até 29 de agosto, o quilo do animal era comercializado a R$ 4,50. Houve alta de 11,11% sobre esse valor, com o suíno custando agora R$ 5 o quilo, apontam os dados da Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (Asemg).

Segunda maior valorização ocorreu em São Paulo, conforme dados da Associação Paulista dos Criadores de Suínos (APCS). No fim de agosto, o quilo do animal vendido vivo era R$ 4,59. Agora, chegou ao patamar de R$ 5,06, ou seja, um avanço de R$ 10,24%.

Houve valorização importante também em Santa Catarina, segundo a Associação Catarinense dos Criadores de Suínos (ACCS). Em alta de 10%, o quilo do suíno vivo passou de R$ 4,10 para R$ 4,51.

No Paraná, segundo a Associação Paranaense dos Suinocultores (APS), o animal custava R$ 3,98 até o fim do mês passado. Agora, é comercializado a R$ 4,36 o quilo, o que representa avanço de 9,55%.

Já no Rio Grande do Sul, o quilo do suíno vivo custa R$ 4,59. Antes de entrar setembro, era R$ 4,35. Ou seja, a alta foi de 5,52%, de acordo com as informações da Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul.

 

 

Assuntos do Momento

População da Coreia do sul paga 20% a mais pela carne suína em meio ao aumento dos custos dos grãos
23 de Maio de 2022
Mercado Externo

População da Coreia do sul paga 20% a mais pela carne suína em meio ao aumento dos custos dos grãos

A inflação ao consumidor da Coreia do Sul acelerou muito mais do que o previsto e atingiu uma alta de mais de 13 anos em abril

Exportações de carne suína somam US$ 78,4 mil na parcial de maio
20 de Maio de 2022
Balança Comercial

Exportações de carne suína somam US$ 78,4 mil na parcial de maio

Em comparação com o mesmo período de 2021 valor por média diária é 30,8% menor. Valor pago por tonelada embarcada também apresenta queda

Em Honduras, importação de carne suína aumenta mais de 50%
25 de Maio de 2022
Mercado Externo

Em Honduras, importação de carne suína aumenta mais de 50%

A indústria de transformação e os fabricantes de embutidos preveem alta de preços para o segundo semestre devido ao aumento dos custos de produção

Média de preço da carne suína na parcial de maio está acima da de abril
26 de Maio de 2022
Mercado Interno

Média de preço da carne suína na parcial de maio está acima da de abril

Segundo pesquisadores do Cepea, no geral, os valores do produto negociado no atacado da Grande São Paulo iniciaram este mês em forte elevação, influenciados pelas aquecidas demandas interna e externa

Bacon e frango não ficarão mais baratos tão cedo
23 de Maio de 2022
Mercado Global

Bacon e frango não ficarão mais baratos tão cedo

Produtores em todo o mundo com mais de 40 bilhões de porcos, vacas, búfalos, ovelhas, cabras e aves enfrentam preços quase recordes para ração animal

25 de Maio de 2022
Mercado Externo

Produção de carne suína da União Europeia cai no início de 2022

Nos dois primeiros meses do ano, o bloco produziu 3,8 milhões de toneladas de carne suína, 3% menos do que no ano anterior, com 40,5 milhões de suínos abatidos, uma queda de 2%

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade